Chivo para os íntimos

Nascido na Cidade do México, Emmanuel Lubezki, Chivo para os íntimos, é um dos mais renomados diretores de fotografia atualmente. Foi nomeado oito vezes, mas apenas ganhou três prêmios do Oscar, de melhor fotografia, tendo sido premiado consecutivamente com os filmes Gravidade (Gravity, 2013), Birdman, Ou a Inesperada Virtude da Ignorância (Birdman, 2014), e O Regresso (The Revenant, 2015).

Lubezki já trabalhou com diversos diretores, mas criou certas parcerias que lhe renderam um reconhecimento mundial. Entre esses, vale mencionar Alejandro González Iñarritu, Alfonso Cuarón e Terrence Malick, que foram diretores que Emmanuel trabalhou mais de uma vez.

Tais parcerias lhe permitiram aperfeiçoar suas técnicas cinematográficas, que envolvem uma paixão por luz natural e a filmagem que é feita pela a câmera nas mãos. Sua personalidade é tão grande em seus filmes, que você claramente irá saber que foi filmado por Emmanuel Lubezki.

Deixo aqui então, sugestões a serem assistidas para apreciar a cinematografia do mexicano que, provavelmente, ainda irá nos surpreender muito mais:  De Canção em Canção (Song to Song, 2017), Filhos da Esperança (Children of Men, 2006), A Árvore da Vida (The Tree of Life, 2011).

 

Fotos: Reprodução 

 

Victoria Hautz

Victoria Hautz

Victoria Hautz sempre apreciou o cinema de uma forma diferente. Em 2016, estudou na Dinamarca e um de seus cursos foi cinema mundial. A jovem cinéfila afirma que sétima arte pode nos afetar muito positivamente se deixarmos. Indica assistir pelo menos um filme por semana, com um conteúdo mais profundo e uma produção de qualidade para descobrir um mundo novo dentro de si mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *